Allan Aal esquece últimas derrotas do Guarani e pede foco nas quartas de final

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir




As derrotas para Ponte Preta (3 a 1) e Inter de Limeira (1 a 0) já ficaram para trás, segundo Allan Aal. O técnico garante que o Guarani entrará com outra cabeça nas quartas de final do Campeonato Paulista, nesta quarta-feira, contra o Mirassol, em Mirassol (SP). O time de Campinas (SP) tentará chegar às semifinais após nove anos. Naquela oportunidade, ficou com o vice ao sucumbir diante do Santos.

"Preservamos alguns atletas já pensando na quarta-feira. E agora é decisivo, com possibilidade positiva de chegar entre as quatro melhores equipes do Campeonato Paulista. O jogador já pensa na partida que vamos jogar na quarta-feira, que vale passagem para a semifinal, algo que não acontece há nove anos aqui no clube. O Mirassol é muito forte e precisamos dar o melhor. Tenho convicção que nosso time voltará a ter essa disposição e também a velocidade que fizeram a diferença ao longo da competição", disse Allan Aal.

Como ficou na vice-liderança do Grupo D, o Guarani visitará o Mirassol em partida única nesta quarta-feira, às 21 horas, no estádio José Maria de Campos Maia. Em caso de empate, a decisão será nos pênaltis.

"Em alguns momentos da competição a gente oscilou demais, conseguimos encaixar uma maneira de jogar e de pensar que nos fez classificar, com futebol ofensivo, agressivo, em busca da recuperação de bola. É essa maneira de jogar que encaixou da melhor forma. Em contrapartida, precisamos melhorar em alguns quesitos. Pecamos muito nas finalizações. Criamos oportunidades claras, mas perdemos jogos que poderiam ter nos colocado na liderança da nossa chave, como contra o Corinthians, contra o Palmeiras. Agora contra o Mirassol é mobilização total, entrega total, concentração total para fazer algo que há muito tempo não é feito aqui no clube", analisou o treinador.

A partir das semifinais, também em jogo único, os confrontos serão definidos pela soma de pontos de todas as fases anteriores. O dono da melhor campanha duela contra o pior. O segundo melhor encara o terceiro. Neste momento, o melhor time é o São Paulo, com 27 pontos. Ele é seguido por Corinthians (25), Red Bull Bragantino (23), Ferroviária (21), Palmeiras (21), Inter de Limeira (18), Mirassol (18) e Guarani (14).

Notícia